Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização. Saber mais.

A maratona do trader profissional

A maratona do trader profissional

O objetivo de um trader deve ser estar pouco tempo exposto no mercado, fazer scalping de poucos ticks e fechar posição garantindo um pequeno lucro em cada entrada no mercado.

O trading de apostas é uma maratona e não uma corrida de 100 metros, pois a pressa é inimiga da perfeição e no trading os movimentos precisam de ser perfeitos e concisos.

por Josué Ramos   |   comentários 0

Quando eu era pequeno o meu avô ensinou-me que um atalho é sempre uma escolha duvidosa, que esse caminho mais curto abrevia muitas coisas essenciais na aprendizagem sobre a vida e que é sempre uma escolha perigosa. O caminho mais longo e árduo nunca parece ser e não é o mais atraente. Sabemos que andar por esse caminho significa batalhar a todo o instante, porém ele leva-nos até onde queremos chegar, sem atalhos e com muita dificuldade. Mas quando chegarmos lá sabemos que fomos moldados de uma forma correta, pois aprendemos o que tínhamos que aprender e seremos o que tínhamos que ser.

Sempre pensei que isso se aplicasse apenas ao nosso caráter, integridade e tudo mais que envolva a nossa personalidade, mas quando se trata de escolhas, tudo parece tão familiar!

No trading desportivo temos algumas escolhas a fazer, algumas são a forma fácil de fazer as coisas, outras são a forma difícil. Escolher qualquer uma delas não é garantia de sucesso, isto se não nos esforçarmos para aprender alguma coisa.

Algo que todos os traders precisam entender é que não estamos neste mercado para imitar movimentos punter e minimizar o nosso lucro com encerramentos antecipados. Este tipo de estratégia é perigoso e necessita de um especialista no desporto em questão. Movimentos de operações de trading puro não necessitam de um conhecimento exacerbado do desporto, o que já é uma grande vantagem, pois implica menos tempo precioso de estudo.

paciencia-e-dedicacaoRealizar operações de trading sem exposição desnecessária é uma arte e necessita de paciência e muita dedicação. O Scalping é uma forma mais segura de trabalhar, mas ainda assim é um investimento e todo o investimento tem os seus riscos. A diferença é que não expomos a nossa stake por muito tempo e, dependendo do mercado, podemos trabalhar a favor do tempo, o que garante o lucro esperado se nada acontecer durante naquele pequeno período de tempo.

Eu trabalho exclusivamente com dois desportos, futebol e corridas de cavalos. As corridas de cavalos são um prato cheio, mas nesse mercado não trabalhamos a favor do tempo nem contra, prevemos operações e antecipamos movimentos com base numa análise do mercado.

favor-do-tempo No futebol quase todo o movimento é a favor do tempo, exceto quando nos arriscamos em certos movimentos perigosos buscando uma grande variação, como nas bolas paradas. É uma tática perigosa mas aceitável. Com um estudo aprofundado pode-se colher bons frutos, por isso não é uma tática que se deva aplicar sem ter um estudo prévio. Ter um feeling neste tipo de situação não quer dizer nada.

Geralmente trabalho com a extração de 5% sobre a stake por operação. Não sei se esse número representa um valor enorme ou pequeno para outros traders, a questão é que prefiro realizar movimentos seguros e de curto tempo de exposição.

A favor do tempo isso é mais fácil extrair sem correr muitos riscos. No mercado dos cavalos faço o simples, fecho a operação ao ganhar uma tick ou ao perder uma.

Não tenho um número fixo de movimentos a serem feitos por dia, mas tenho um tempo limite. Durante esse período de tempo procuro oportunidades com uma boa relação risco/benefício. Não tenho por objetivo dobrar a minha stake num dia, ou seja, fazer 100% de lucro sobre a stake, apenas faço os movimentos conforme as oportunidades vão surgindo. Tudo sem pressa e sem forçar nada.

Trabalho com stake fixa e não gosto de a aumentar conforme vou obtendo ganhos. Um grande inimigo de qualquer trader é a pressa, pois a impaciência costuma colocar tudo a perder. Devemos ter em mente que um dia de trabalho é apenas uma batalha numa guerra que estamos a travar. Estamos numa maratona e devemos ter consciência disso.

Muitos acham que o que um trader profissional faz é algo extremamente complicado e que gira em torno de uma centena de estratégias, quando na verdade tudo o que fazemos é bem mais simples. Não caiam em contos e em promessas de altos ganhos que alguns cursos prometem por aí, pois todos eles vos ensinam a obter bónus das casas de apostas, o básico do básico.

Muitos apresentam vários tipos de estratégias, mas no trading operaramos sempre da forma mais simples possível. No futebol ir contra o tempo é algo que não fazemos, a não ser numa bola parada. Quando um trader faz isso está a ir para um lado punter do trading, ou seja, está À espera que algo aconteça para fechar uma posição. Este tipo de movimentos é muito perigoso. Sem uma estratégia elaborada e uma boa gestão as coisas podem ficar muito complicadas. Nem vou mencionar o nível de conhecimento sobre o desporto e sobre a liga em questão que necessita de ter para ser bem sucedido a longo prazo.

scalping-betfair-geekstoyO tipo de trading que exige mais conhecimento e estudo é o pré-evento no futebol. Neste caso aplica-se o mesmo tipo de estudo de um punter e é preciso ter em mãos informações sobre o evento. Além disso é preciso estar atento à abertura do mercado, para poder obter as linhas de valor assim que as odds surgirem e forem colocadas para se apostar.

No trading ao vivo de futebol, ou até pré-evento de cavalos, onde os mercados são mais dinâmicos e as odds se movem muito rapidamente, é mais difícil saber se a odd é de valor, já que há muitos factores a influenciar e a fazer variar a odd. Nestes casos um trader deve concentrar-se em prever a variação da odd, em vez de tentar perceber se a odd é de valor ou não.

Um Trader vai procurar no mercado apenas o lucro das variações da odd, enquanto um Punter se preocupa mais com o valor da odd, pois busca o resultado a longo prazo para compensar a comissão das casas de apostas e ser lucrativo.

Não aconselho nenhum trader iniciante a realizar trading no pré-evento no futebol. Para ter êxito neste mercado é preciso ser um punter bem eficaz e atento, por isso devem aprender muita coisa sobre conceitos de valor, fairs e linhas e ter sempre informações importantes em mãos. Tudo isto é complicado e exigirá muito tempo de dedicação. Se conseguirem tudo isto e se tornarem especialistas numa liga, verão que ser punter será mais lucrativo, pois como punter investe-se menos e ganha-se mais.

Alguns duvidarão que o que acabei de referir é verdade, mas que acreditem que é. Comprovem calculando o retorno sobre os vossos investimentos. Mas posso simplificar ainda mais. Imaginem os movimentos de um punter que aposte 1 unidade a odd @1.90. Se ganhar essa aposta, terá um retorno de 90% sobre a unidade numa única aposta.
Agora imaginem um trader que invista 1 unidade numa odd de @2.20, com a intenção de ter 5% de lucro nessa operação num curto período de tempo. Investirá 1 unidade para extrair 5%, sendo o valor da odd irrelevante .
Se nos concentrarmos só neste exemplo, o retorno sobre o investimento (ROI) de um trader é menor do que o ROI de um punter, mas no longo prazo o trader, embora ganhe menos de cada vez, ganhará muito mais vezes, ou seja, um trader tem menor variância do que um punter.

No entanto, são mercados diferentes e implicam estratégias diferentes, gestão diferentes e muitas outras peculiaridades.

O que posso concluir é que quanto mais simples forem os movimentos executados no trading, maior será a segurança que o trader terá. E o que queremos no trading é precisamente isso, uma maior segurança.

É preciso ter paciência neste mercado e recordar que se trata de uma maratona e não de uma corrida de 100 metros. Trabalhem da forma que for, mas vão devagar e sem pressa, pois esta é inimiga da perfeição e no trading os movimentos precisam de ser perfeitos e concisos.


Bons lucros a todos e um grande abraço!

 

Partilhar "A maratona do trader profissional" via: